Dois brasileiros estão na lista dos 50 melhores professores do mundo